RSS

Arquivo da categoria: Livros Raros

Feliz Ano Novo

Um conjunto de contos arrepiantes que teve uma repercução grandiosa o autor teve que entrar na justiça para poder publicar esta obra cheia de surpresas… Considerado um dos principais livros de Rubem Fonseca, Feliz Ano Novo, lançado em 1975, teve sua publicação e circulação proibidas em todo o território nacional um ano mais tarde, sendo recolhido pelo Departamento de Polícia Federal, sob a alegação de conter “matéria contrária à moral e aos bons costumes”. Foi proibido pela censura do regime militar, acusado de fazer apologia da violência. O regime autoritário, que tentava à força encobrir os problemas que compunham a face negra do país, não suportou a linguagem precisa e contundente dessa coleção de contos que traduzem ficcionalmente a verdadeira fratura exposta do corpo social. A atualidade artística de histórias como a que dá nome ao volume colabora para lastrear a reputação de um dos maiores escritores brasileiros vivos.

Rubem Fonseca    ,      Artenova      ,    1975    ,        Livros Raros ,   R$ 250,00      . Lombada quadrada , bom estado , leves manchas do tempo nas páginas , 144 páginas.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 18 de outubro de 2010 em Livros Raros

 

Tags: , , , , , ,

Os Filhos de Wang Lung

Este livro é continuação do livro A Boa Terra. Neste livro a autora descreve a vida do camponês Wang Lung, que pelo suor atingiu a riqueza, narra o que se sucedeu a Casa de Wang, a Flor de Pereira e a Lótus, aos três filhos e a suas respectivas mulheres e progênies. Aqui aparecem moços e adultos… Wang o Primogênito, Senhor daTerra, Wang o Mercador e Wang O  Tigre, Senhor da Guerra. A narrativa se sucede mostrando sua ascensão, o crescente poderio dos seus exércitos, a série de lutas pelas qual galga o poder, suas aventuras pessoais e militares. Através de cenas vívidas, a autora apresenta verdadeiro mural do oriente, linda historia comovente.

Pearl S. Buck  ;  Globo ;  1952   ;   R$ 110,00   .  Brochura bem antiga, corte e páginas amareladas pelo tempo,pequenas rasuras ao redor da capa, que está  com contact, 392 páginas.Corte das páginas levemente irregular. Exemplar raro, razoável estado de conservação .

 
Deixe um comentário

Publicado por em 20 de agosto de 2010 em Livros Raros

 

Tags: , , , , ,

Mulher Imperial

Aos dezessete anos, Tzu Hsi deixou a casa do seu pai e se tornou a concubina do imperador, passando a ocupar o Trono do Dragão. Poderosa, esperta, amada por uns e odiadas por outros, essa bela e poderosa mulher foi quem conseguiu manter por várias décadas o prestigio do império e da dinastia a qual pertencia, desde 1860, quando subiu ao poder, até 1908, quando morreu com a idade de 74 anos.

Pearl S. Buck   ;   Melhoramentos      ;    R$ 40,00.  Brochura bem antiga, pequenas rasuras ao redor da capa, lombada restaurada com durex, corte e páginas amarelados pelo tempo, 349 páginas. Provavelmente de 1954. Bom estado geral .

 
Deixe um comentário

Publicado por em 20 de agosto de 2010 em Livros Raros

 

Tags: , , , , ,

Caderno H 1°Edição

O Caderno H, de Mario Quintana, tem uma longa história. Começou a ser publicado na revista Província de São Pedro, de Porto Alegre, em 1945. Foi, inclusive, com parte desse material que Quintana, em 1948, montou seu livro de poemas Sapato florido. Ainda em 1945, Quintana escreveu o livro Espelho mágico, com poemas em prosa ou prosa poética, que só seria publicado seis anos depois, em 1951. O Caderno H, contudo, continuou a sair a partir de 1953, quando Quintana ingressa no jornal Correio do Povo, de Porto Alegre, na página literária dos domingos. Mas somente em 1973 o poeta selecionaria desse amplo material os fragmentos que comporiam a primeira edição em livro do Caderno H, publicada pela Editora Globo. Desde essa data, as diversas reedições da obra confirmam-na dentre as que mais interessam ao grande público do autor. Na bibliografia de Quintana, o Caderno H liga-se diretamente a Espelho mágico, pois ambos experimentam a prosa poética ou o poema em prosa, privilegiando a forma epigramática como visão da realidade. O Caderno H também torna visível que o poeta se interessou por essas modalidades de forma por toda a vida, ao mesmo tempo que continuava praticando a poesia em versos livres ou de formas fixas como o soneto, destilando por quase trinta anos sua obra em epigramas e prosa.

Mário Quintana ;Globo  ;  1973    ;   R$ 60,00 . Brochura ; bom  estado de conservação , 151  páginas, leves marcas do tempo  no corte , pequenas e poucas  rasuras ao redor da  capa.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 9 de agosto de 2010 em Livros Raros

 

Tags: , , , , ,